11 de abr de 2005

Antropologia 30/03/2005

* Preocupação Racial - UNESCO encomenda uma pesquisa sobre o Brasil. Um país para todos, onde todos viviam em harmonia.
* Elite Paulista - depois da revolução de 1932, articulam-se para conseguir poder, como não tinham mais o Poder Político, querem o Poder Educacional, para isso são necessários filósofos, sociólogos e cientistas políticos.
* Diversidade enriquece
- sempre existe uma relação com o outro.
- diferença não é desigualdade. As diferenças são a locura da humanidade.
* O Filho Único - está menos ajustado às diferenças, não precisa discutir as relações.
* a diversidade cultural se dá no contato.
* o problema dos Direitos Humanos - alguém defina mas minha concepção é diferente do outro.
* Etnocentrismo - Disposição habitual de julgar povos ou grupos estrangeiros pelos padrões e práticas de sua própria cultura ou grupo étnico.
Todos os povos são etnocentricos, acham que estão corretos, que suas idéais são as melhores, isso acontece porquê todos são humanos.
O progresso não é contínuo nem linear. O objeto da antropologia é a diferença, a diversidade cultural.
Surge o dilema da Mudança Cultural. Ao mesmo tempo que a tendência é unir (globalização), as diferenças "pipocam" em todos os lados, é só lembrar da fúria das colônias contra as metrópoles, guerra civil é uma consequência. Descolonização.
* DIVERSIDADE X MUDANÇA
- revolta dos nativos - estão na história e fazem história.

Nenhum comentário: